Investimento na Saúde: O que é que o exemplo da Grounforce ensina? -
Sacha Matias (Criador Dr. Performance<br>e Método Dr Performance 15 Minutos)

Sacha Matias (Criador Dr. Performance
e Método Dr Performance 15 Minutos)

Professor, formador, adoro ajudar as pessoas a manterem-se saudáveis.
Entusiasta pela família, pessoas e desporto.

"Gostava de te ajudar a chegar a mais pessoas Sacha, como posso fazer?"
Obrigado por isso.
Podes Partilhar com mais Pessoas
(carrega num dos ícones)
Share on facebook
Facebook
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on pinterest
Pinterest

Investimento na Saúde: O que é que o exemplo da Grounforce ensina?

Investimento na Saúde: O que é que o exemplo da Grounforce ensina? por Dr Performance e Sacha Matias
A Possível Insolvência da Groundforce traz ensinamentos preciosos no que concerne a começares a olhar para a tua Saúde como Investimento quando tudo está bem.

O Investimento na Saúde é feito a longo prazo. Mas deve ter sempre medidas imediatas. A possível insolvência da Groundforce, a maior empresa de logística portuguesa nos transportes aéreos é o exemplo perfeito disso.

Investimento na Saúde e Groundforce? O que é que um tem a haver com outro?

Se fizeste esta pergunta (e acredito que tenhas feito uma parecida) é isso mesmo que quero dizer. Tem a haver com Gestão e Planos a médio e longo prazo.

Nós seres humanos temos uma tendência de agir quando está tudo mal – atenção: não estou a colocar todos no mesmo saco.

E é o que está a acontecer com a Groundforce. Desde 2020 que sabemos que existe pandemia e confinamento e mesmo assim não se fez nada em termos de estratégia a nível da Groundforce.

Com a nossa saúde é a mesma coisa. Sabemos que devemos fazer um investimento na saúde mas, a realidade e a verdade, é que só fazemos algo realmente quando estamos muito mal.

Inclusive, profissionais de saúde estão treinados para tratar a doença e não para manter a saúde (repara, se não houvesse doença não haveria necessidade de haver profissionais de saúde, certo?).

Sabias que as doenças agudas foram largamente ultrapassadas por Doenças Crónicas?

E isso acontece por falta de Investimento na Saúde.

Mas vamos voltar ao Tema da Comparação entre a Groundforce e o teu Investimento na Saúde.

Quero mostrar-te que o que está a acontecer com a Groundforce é o exemplo clássico de como cada pessoa trata da sua Saúde, em 3 momentos diferentes (para não te maçar muito que tens pouco tempo para ler):

1. Todos sabíamos o que ia acontecer mas sacudiu-se a “água do capote”

A Pandemia começou em 2020. Com isso viagens foram canceladas.

E o que foi feito?

Nada, como “havia Dinheiro” foi-se aguentando o “barco” em vez de aproveitar para se mudar formas de trabalhar e restruturar a organização.

E agora o verdadeiro culpado é o Governo (palavras de um dos accionistas da Groundforce):

“A Groundforce encontra-se, como é público, numa situação de enorme fragilidade de tesouraria decorrente da pandemia provocada pelo Covid-19, mas agravada pela incapacidade das entidades públicas em responder atempadamente ao pedido de aval para um empréstimo bancário feito em julho 2020. Este atraso teve como consequência a incapacidade da empresa de saldar os pagamentos dos salários de fevereiro de 2021 dos seus 2.398 trabalhadores”

Alfredo Casimiro in ECO (entrevista completa aqui)

É como a minha avó dizer, agora com mais de 85 anos, que o seu rim e coração estão a falhar porque o médico não sabe tratar dela.

Não é o Médico que não sabe tratar dela, é ela que não tratou dela.

Desde os 40 anos que me lembro que tem sobrepeso e é hipertensa. A partir daí foi sempre a decair.

O que mudou ao longo do tempo? Os medicamentos que tomava.

E o que não mudou? Tudo o que ela fez para agora ter problemas graves no Rim e Coração.

E o mesmo está a acontecer com a Groundforce.

Não se aproveitou um problema que todos sabíamos o que ia acontecer mas sacudiu-se a “água do capote”.

Tal como a minha avó foi sempre sacudindo a sua “água do capote” para o médico anterior que não a tinha tratado.

2. Com este novo “Comprimido” é que se vai Salvar a Saúde

“Ou tenho dinheiro ou há insolvência”.

Mas espera, há outra solução: O “Comprimido” que vai salvar a Saúde da Groundforce.

Que comprimido é este?

Pois, aquele que cai sempre para os mesmo: A “Nacionalização” (noticia aqui).

E diz-me lá 5 bons exemplos de casos que com a nacionalização ficaram ótimos? Eu não me lembro de nenhum.

Quando está bom eu compro. Quando está mau eu “despacho” para os outros.

É como o tal “comprimido” que te vai salvar a Saúde.

Trabalhas 18 horas por dia, comes mal, não fazes exercício físico e estás ansioso porque de facto não tens tempo.

Até que, uns tempos depois (com 40 anos) estás com Dores nas Costas e Hipertensão Arterial.

Vais ao Médico e ele prescreve-te Diclofenac (para as dores de costas) e o Olmesartan (para a Tensão Arterial).

E voltas à tua vida “normal” porque tens o “comprimido” que te vai salvar a Saúde.

Mas, 3 anos depois (aos 43 anos) tens um Enfarte Agudo do Miocárdio.

Agora não só tens problemas cardíacos, como tomas o Olmesartan, o Bisoprolol, o Captopril (1/4 de comprimido para te fazer bem ao coração), o Clopidogrel e a Aspirina.

Mas agora é que estás bem porque tens vários “comprimidos” que te vão salvar a Saúde.

E lá voltas tu para as tuas 18h, comer mal, cada vez a aumentar mais de peso (sim esses comprimidos ajudam e muito a aumentar de peso), agora com impotência (provocada pela bisoprolol) e cada vez mais ansioso.

O que achas que te vai acontecer aos 50 anos? Mas espera, estás a tomar o “comprimido” que te vai salvar a saúde.

PS: Podes ver aqui a prevalência e crescimento deste tipo de doenças só em Portugal.

Tal como a Groundforce está à espera que o seu “comprimido” chegue e não faça nada para dar à volta.

3. A Responsabilidade não é minha!

Começo este 3º ponto assim:

A Groundforce continua sem dinheiro para pagar salários e as negociações entre o acionista privado e o Governo estão num impasse. A nacionalização é vista como último recurso, apesar de não estar excluída, mas a insolvência é também uma opção em cima da mesa.

Então de quem é a responsabilidade? Vamos ver:

O Presidente do Conselho de Administração da Groundforce e dono do principal acionista, Alfredo Casimiro, diz que o atraso no pagamento dos salários da empresa são culpa do Governo. A Pasogal (que detém 50,1% da Groundforce, enquanto a TAP detém outros 49,9%) pediu, em julho, uma garantia pública para um empréstimo de 30 milhões de euros, que continua à espera de aval.

Afinal o dono não paga por causa do Governo. E o que o Governo diz? Vamos ver:

O dono da Pasogal (que detém 50,1% da Groundforce), Alfredo Casimiro, e o Governo estiveram nos últimos dias a negociar o desbloquear de dinheiro para os salários em atraso de 2.400 trabalhadores. O financiamento era um adiantamento de serviços a prestar à TAP (que além de deter 49,9% da Groundforce, é também cliente).

Para isso, era pedido ao empresário que desse a sua participação como garantia. Mas parte destas ações está sob outra penhora, impossibilitando o negócio

Então mas o Governo não empresta 30 milhões para pagar salários? Ah afinal empresta, mas o accionista tem que dar a sua garantia. Afinal não vai dar porque a garantia está penhorada.

Sabes ao que é que isto tudo se chama? Principio da Responsabilidade.

Tal como ficar doente. É da tua responsabilidade manteres-te saudável o máximo de tempo possível.

Ou seja, é mais fácil investires na Saúde do que depois de estares doente.

Quando estiveres doente é muito mais dificil.

A minha recomendação? Trata do teu físico, mente e espírito. Não queiras chegar ao exemplo que dei em cima no ponto o “comprimido” que te vai salvar a Saúde.

Por essa razão é que eu criei o Método Dr Performance 15 minutos.

“E o que é que tu propões com o Método Dr Performance 15 minutos, Sacha?”

Excelente pergunta. Podes carregar no link da tua pergunta e vais ver o que te é proposto.

Mas em poucas palavras, o Método Dr Performance 15 minutos é uma forma de, com apenas 15 minutos por dia, emagreceres com saúde e a consequência disso teres mais energia, mais confiança, seres mais produtivo e trabalhares fortemente para a tua saúde e não para a doença.

E é só para Pessoas Muito Ocupadas.

Desafio-te a tirares 2 minutos do teu dia ocupadíssimo e vê a informação que está no link da pergunta que fizeste.

Espero que tenhas gostado desta comparação entre a atualidade da Groundforce e o Investimento na Saúde.

Agora só tenho um pedido para ti.

Qual Sacha?

Obrigado por perguntares, então passo-te a explicar:

Vês ai os ícones das redes sociais que te seguiram ao longo do artigo (ou que estão no início ou fim do mesmo)?

Carrega neles e partilha nas tuas redes sociais. Vais ajudar-me a ajudar mais pessoas. Mais uma vez obrigado.

Agora despeço-me de ti e até ao nosso próximo artigo neste nosso blog (também tens muitos artigos aqui que te podem ajudar, explora 🗺️ 🧭),

Sacha Matias (Criador e Fundador da Dr. Performance e Método Dr Performance 15 minutos).

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Todos os Artigos

Partilha nas Tuas Redes Sociais (Escolhe um botão)

Share on facebook
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email
Share on pinterest

POWERED BY Sacha Matias 

Dr. Performance © Copyright 2019

Muito Obrigado pela tua Subscrição.

Irás receber E-mails com o remetente: email@drperformancebusiness.com

Se nas próximas 24h não receberes nenhum email, verifica a tua caixa de Spam, promoções e caixote do lixo no gmail (e Spam no hotmail ou live).

Irás receber como oferta no primeiro e-mail o e-book “Está na Altura de Ganhares Tempo”

Vamos-nos vendo por aqui, Sacha Matias

Powered By Sacha Matias