Os 9 passos desde a Ideia até a venda |
Sacha Matias (Criador Dr. Performance<br>e Método Dr Performance 15 Minutos)

Sacha Matias (Criador Dr. Performance
e Método Dr Performance 15 Minutos)

Professor, formador, adoro ajudar as pessoas a manterem-se saudáveis.
Entusiasta pela família, pessoas e desporto.

"Gostava de te ajudar a chegar a mais pessoas Sacha, como posso fazer?"
Obrigado por isso.
Podes Partilhar com mais Pessoas
(carrega num dos ícones)
Share on facebook
Facebook
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on pinterest
Pinterest

Os 9 passos desde a Ideia até a venda

Os 9 passos desde a Ideia até a venda, por Sacha Matias e Dr. Performance for Business
Todos os dias surgem muitas ideias. Quantas pessoas realmente “ligam” a ideia e a tornam real?

Tens uma ideia! Muito bom. E agora? Agora vou-te falar em 9 passos cruciais desde a ideia até a venda do teu produto/serviço.

Este artigo tem como objectivo em ajudar-te na tua ideia genial (ou que consideras como tal), daí o nome “Os 9 passos desde a ideia até a venda”.

Mas antes de te falar da tua ideia, quero-te esclarecer-te de um assunto.

No século XXI está na moda ser Empreendedor e ter um negócio próprio.

No entanto, posso-te dizer que é mesmo uma moda, prepara-te para um Mundo Difícil e de muita frustração.

Agora se estás pronto para isto, então sê bem-vindo, este artigo é para ti.

E vamos começar pela ideia.

Já terás tido, certamente, um período de epifania em que encontras-te a solução para um problema real da sociedade, certo?

Vamos então aos 9 passos desde a ideia até a venda?

Aqui vai:

  1. Ideia (O que achas que vai resolver algo)
  2. Desenvolver a Ideia (modelo)
  3. Perguntar às pessoas sobre a tua ideia (o Nicho)
  4. Retirar insights das respostas (desenvolver a ideia e afinar a mesma)
  5. Voltar a apresentar agora afinado
  6. Vender o 1º PVM (enquanto testas!)
  7. Retirar opiniões objectivas do PVM (ou MVP)
  8. Afinar e melhorar o PVM
  9. Vender Novamente
  10. Passo bónus dos 9 passos desde a ideia até a venda: Repetir o Processo

Ideia (O que achas que vai resolver algo)

Ideia (O que achas que vai resolver algo), por Sacha Matias e Dr. Performance, for Business
Uma ideia parece genial sempre! Mas na cabeça não serve de nada, toca a escrever.

Uma ideia quando surge parece genial, certo?

Pois, até pode parecer mas a realidade é outra. Já la vamos.

A tua ideia pode estar assente num produto que inovas ou num serviço que surge em algo que és bom a fazer.

Vê (neste caso ouve) este episódio do Podcast: The Real MBA, onde falamos sobre uma ideia genial.

Ou seja, todos os dias surgem novas ideias que acabam por morrer na gaveta (leia-se cabeça).

Desta forma aqui tens a minha sugestão:

  • Coloca a tua ideia num bloco, papel, no evernote / google keep ou mesmo grava no telemóvel (senão vais-te esquecer, afinal temos entre ideias e pensamentos mais de 70.000 por dia);
  • Ao começares a escrever, começa a desenhar como gostavas que ela pudesse servir um cliente (desenvolvimento do modelo de negócios – partilho o link sobre este assunto mais à frente neste artigo);
  • Define uma data para estar pronto o primeiro Produto Viável Mínimo (falo uns pontos à frente neste artigo);
  • Se realmente achas que é boa, começa a testar a ideia com quem te compraria (o nicho e a persona – adivinha, também falo à frente).

Agora que finalmente saiu da tua cabeça e já a consegues ver (como uma fotografia), já começa a ser real.

Finalmente estás pronto para o passo seguinte.

Desenvolver a Ideia (modelo)

Desenvolver a Ideia (modelo), por Sacha Matias e Dr. Peformance, for Business
Agora que já escreveste a ideia, está na altura de definires timmings para cada passo.

A ideia já saiu da tua cabeça e está no papel!

Boa, já cumpriste o 1º dos 9 passos desde a Ideia até a venda.

Mas agora estás na fase crítica.

Tens que começar a tomar decisões.

Atenção, já tomaste a primeira que foi escrever a tua ideia.

Agora é o momento de decidires os passos seguintes da tua ideia até a venda.

Dentro dos 9 passos desde a Ideia até a venda, este é aquele que vais decidir datas e organizar os restantes passos.

Ou seja, em outras palavras, esta é a fase de pegares no que tens e decidires transformar num projeto.

Aqui podes usar técnicas como Scrum/Gestão Agile (prometo escrever só um artigo sobre este assunto e depois linko aqui) bem como um potencial plano de negócios e plano de acção.

E como podes construir os passos do teu projecto?

Simples: Num calendário, no excel (o office já permite pesquisas de documentos/templates pré-feitos) ou, o meu preferido, o Asana.

Mas deixo-te para mim aquelas que eu considero o top 5 de ferramentas que te ajudam a organizar um projecto:

  1. Asana – para mim a mais simples de utilizar e permite integrar múltiplas ferramentas do google e não só (permite colocar múltiplas pessoas em cada projecto);
  2. Trello – Muito semelhante a anterior, mas muito mais conhecida 😉;
  3. Artia – Talvez das mais completas (por isso paga), permite para além de integrações colocar tempos por dia para cada tarefa (as outras também dão mas não tão ágil como esta);
  4. Slack – Ferramenta de comunicação que funciona como uma “rede social” e que permite criar para além de projectos, um acompanhamento em tempo real de cada um dos mesmos e dos seus intervenientes (não é a mais user friendly);
  5. Microsoft Project – Foi a ferramenta que usei no MBA de Gestão e Negócios, é talvez das mais antigas em gestão de projectos no entanto tem uma curva de aprendizagem ligeiramente maior que as anteriores (bem, muito maior). Vantagem: Liga-se e integra-se a todos os documentos office.

Mais importante que a ferramenta que utilizes, é definires os timmings de cada passo e cumprires um de cada vez.

Agora que definiste as entregas, está na altura de veres se realmente a mesma tem pernas para andar.

Perguntar às pessoas sobre a tua ideia (o Nicho)

Perguntar às pessoas sobre a tua ideia (o Nicho), um dos 9 passos desde a Ideia até a venda mais importantes, por Sacha Matias e Dr Performance, for Business
Estas pessoas neste café são consideradas um Nicho de consumidores desse mesmo café. Imagina juntares um conjunto de pessoas que se podem interessar no teu produto/serviço? Como sabes? Perguntando!

Bem, é mesmo excelente a tua ideia e até podes saltar os 9 passos desde a ideia até à venda.

Certo?

Se pensaste assim, então poderás ter alguns problemas.

Agora se queres mesmo ter uma “ideia vencedora” recomendo que continues aqui.

No artigo “Como implementar e testar um Modelo de Negócios?” abordo este assunto.

O que quero dizer com Perguntar às Pessoas?

É isso mesmo, pergunta às pessoas do Nicho que serão os teus potenciais clientes.

E serão eles que te vão ajudar a transformar a tua ideia num produto/serviço vendável.

Mas antes de saberes o Nicho, deves saber quem é a persona!

Porque a persona vai-te dar características muito especificas de uma pessoa apenas e no Nicho existem várias pessoas com essas características parecidas a da tua “persona“.

Podes ter um Nicho sem persona? Claro que sim, no entanto pode-se tornar mais difícil para ti na estratégia de comunicação.

Mesmo assim, dou-te um exemplo rápido para te enquadrar:

  • Persona: João, 30 anos, licenciado em Engenharia Civil, casado, pai de 1 filho, gosta de fazer desporto (mas tem pouco “tempo” porque tem uma empresa de construção civil), vive em cidade, passa aproximadamente 18h por dia a trabalhar (incluindo fim-de-semanas);
  • Nicho: Pessoas compreendidas entre os 25 e 45 anos, sexo masculino, classe média, que são empresários em nome individual/têm empresa, vivem em cidade e enfrentam um problema em fazer crescer a facturação e trabalham cada vez mais horas e ganham cada vez menos;
  • Comunicação: Vou falar com todos os “João´s” deste Nicho – Falas como se estivesses a falar com uma pessoa.

Atenção: Falo sobre Nicho e Persona no artigo que referi neste mesmo ponto (como implementar e testar um Modelo de Negócios? e na formação Marketing e Vendas 4.0 – aliás, nesta formação ajudamos a construir a persona e o Nicho).

Voltando aos 9 passos desde a Ideia até a venda, este é o momento de definires se a tua ideia tem “pernas para andar” ou se não é bem aceite.

Ou seja, se conheceres bem a Persona, onde é enquadrada no Nicho, então tens que ir falar com cada um deles.

Como, perguntas tu?

Ou das duas uma, ou tens contactos, ou tens que os encontrar.

Se tens contactos, se se enquadram na tua persona e nicho de mercado, então vais perguntar a eles o que acham da tua ideia (podes fazer entrevistas de empatia diretamente a cada um – mais demorado mas muito poderoso, ou crias um questionário, envias a todos os contactos enquadrados no Nicho e avisa-os que envias-te – neste momento com o google forms ou survey monkey, entre outros).

Se não tens contactos, vê este artigo e este artigo.

Resumindo se não tens contactos: Conheces a tua persona, certo? Então sê bem-vindo ao mundo maravilhoso da internet.

Através de, por exemplo, o Gestor de Anúncios do Facebook ou o Google Ads, fazeres anúncios personalizados e segmentados para o Nicho que escolheste.

E perguntas logo sobre a tua ideia? Claro que não.

Deves criar um relacionamento, dar conteúdo e benefícios, ou seja, em outras palavras, criar confiança perante estes novos contactos.

Quando tiveres essa Confiança, então pergunta tudo porque eles vão-te responder com todo o gosto.

Podes construir o produto/serviço, sem perguntares às pessoas?

Até podes, mas garanto-te uma coisa: Vais demorar muito mais tempo a teres algo realmente útil para o mercado.

E acredita, em qualquer um dos casos, eles vão-te ajudar com todo o gosto, como disse anteriormente, em construir o teu produto/serviço.

Retirar insights das respostas (desenvolver a ideia e afinar a mesma)

Retirar insights das respostas (desenvolver a ideia e afinar a mesma), um dos 9 passos desde a ideia até a venda que vai garantir a criação do produto, por Sacha Matias e Dr. Performance, for Business
Após receberes as respostas, está na altura de analisares. Tal como um professor avalia as respostas de um teste dos alunos.

Retirar insights das respostas (desenvolver a ideia e afinar a mesma), é um dos 9 passos desde a ideia até a venda que vai garantir a criação do teu produto/serviço.

Porquê?

Porque são as pessoas que te vão ajudar e dar pistas relativamente à tua ideia e vão sugerir o que gostavam de receber.

Atenção, aceita e agradece os feedbacks dados por eles, não fiques chateado – eu sei, dói alguém corrigir algo que tu achas genial – estas pessoas deram-te o seu tempo para te ajudar.

E na verdade serão eles os potenciais compradores da tua ideia.

Nesta fase não tens ainda um produto ou serviço válido, tens uma ideia e uma visão.

E com essas respostas vais começar a pensar no teu primeiro produto.

Vamos a uns exemplos?

Boa.

  • Tens uma ideia de fazer o melhor pão do mundo;
  • Até já o fazes em casa para ti e resulta bem e achas que mais pessoas vão querer;
  • Dás umas amostras do teu pão e começas a fazer as entrevistas de empatia e inquéritos (fazes 30 entrevistas e recebes 300 inquéritos);
  • Consequentemente começas a retirar os insights e descobres que 75% acha que é muito salgado e 60% diz que ao fim de um dia está muito duro;
  • Qual é o teu papel? Agradecer e corrigir imediatamente o teu pão (para executares o próximo passo dos 9 passos desde a ideia até à venda).

“E outro exemplo Sacha, por exemplo que tenha a haver com tecnologia?”

Excelente a tua pergunta e aceito o desafio:

  • Tens uma ideia de criar uma app de organização de refeições para famílias;
  • Justificas a tua ideia com a necessidade de facilitar a vida das famílias (devido à correria do dia-a-dia) e consequentemente achas que a mesma poderá ajudar porque cria organização pessoal;
  • A App para ser sustentável (desenvolvimento, manutenção e entrega ao cliente final) terá que ter uma subscrição numa versão premium (pode e deve ter uma versão gratuita mas bastante limitada);
  • Antes de desenvolveres a App falas com 20 mães directamente e recebes 200 inquéritos online de famílias;
  • Depois de analisares verificas que, dos inquiridos, apenas 10% está disposta a pagar;
  • Avanças com a ideia ou fazes mais inquéritos?

Ou seja a ideia é perceber se as pessoas do Nicho que definiste compreendem e querem comprar. Se sim, vende já. Se não, porquê não compram?

“Ok Sacha, já retirei todos os insights e já vi alguns pontos que não estava a ver. O que faço agora?”

Boa, agora afinas, corriges e passas para o passo seguinte.

E se, no meio disto já fizeste umas pré-vendas então poderás estar no bom caminho (acontece muito em produtos digitais).

Voltar a apresentar agora afinado

Voltar a apresentar a tua ideia agora afinada, por Sacha Matias e Dr. Performance, for Business
Tal como um guitarrista está constantemente a afinar a sua guitarra para ter um melhor som, tu terás que estar a afinar o teu produto /serviço e apresentar a potenciais compradores (ou a quem já te comprou algo).

Fizeste umas vendas?

Afinaste o produto?

Agora é que está mesmo bom, certo?

Só podes confirmar isso mesmo se, por um lado voltares a apresentar às pessoas que perguntaste ou a alguém que já te comprou em pré-lançamento e por outro lado angariares novos potenciais clientes que estão inseridos no Nicho que definiste.

Vamos por partes!

Os que já perguntaste, testaste (que te ajudaram a evoluir o teu produto/serviço) e até já vendeste vais mostrar o desenvolvimento que fizeste com os insights que eles te deram – lembra-te: eles investiram o seu tempo e talvez alguns já compraram o mesmo em pré-lançamento, tens que os informar para os manter entusiasmados e ligados ao que estás a fazer.

E chega por si só? Não. Porque vais recolher mais informações.

Agora mais específicas.

Ou seja, o que eles esperam obter ao adquirirem a tua ideia (sim ainda é uma ideia).

E porque deves colher isto?

Para a segunda parte que é colher contactos novos do nicho que definiste e também apresentar o mesmo.

E aqui aproveitas e fazes mais umas vendas se possível.

Depois de muitos depoimentos feitos (a internet permite-te chegar a milhares de pessoas com os passos certos) então está na altura de começares a criar o PVM.

“O que é um PVM Sacha?”

É o que te vou responder no passo seguinte.

Vender o 1º PVM (enquanto testas!)

Vender o 1º Produto Viável Mínimo (enquanto testas!), por Sacha Matias e Dr Performance, for Business
Imagina que a tua ideia é um creme incrível para combater as rugas à base de produtos naturais. Agora deves desenvolver o PVM dele e se possível vender.

O que é o PVM?

Em português é o Produto Viável Mínimo e, mais comumente, em inglês é o Minimum Valuable Product (MVP).

O que é que isto quer dizer?

Que, enquanto estás a criar o produto, vais fazer uma venda do mesmo ainda na sua “versão beta“.

E porque vender? Porque vais financiar-te de forma a poderes continuar a desenvolver o mesmo ao mesmo tempo que crias uma validação na capacidade de venda do mesmo.

Atenção, esta validação vai permitir também criar uma previsão das vendas que terás com o teu produto/serviço, ou seja, afinares o teu modelo de negócio.

Exemplo:

  • Voltando ao exemplo da App (do exemplo que dei em cima):
    • Fizeste a validação com o teu segmento-alvo e público-alvo sobre a tua ideia;
    • Retiraste todos os insights das respostas que te deram;
    • Criaste a versão Beta da App para, por um lado entregar a quem fez a pré-reserva (na versão premium) e por outro lado a versão freemium para mais pessoas experimentarem;
    • Na versão premium já entregas um “montes” de funcionalidades de forma a melhorar a experiência de quem já adquiriu o pacote mensal/trimestral/semestral ou anual;
    • Na versão fremium, permites os novos potenciais clientes experimentarem, de modo gratuito e num tempo limitado (por exemplo 7 dias, 15 dias ou 30 dias, deixando um modo de pagamento e cancelável no período experimental) para absorver a experiência toda.

Agora nesta fase a pergunta que se coloca é: Quantos PVM queres vender nesta fase?

“Porquê Sacha?”

Boa pergunta.

Porque essa resposta vai definir em primeiro lugar se esta tua ideia é escalável e em segundo lugar fazeres o passo seguinte que poderá criar algo grandioso.

Retirar opiniões objectivas do PVM (ou MVP)

Retirar opiniões objectivas do PVM (ou MVP), o passo dos 9 passos desde a ideia até a venda que pode viralizar o teu produto/serviço, por Sacha Matias e Dr Performance for Business
Se tiveres muitas pessoas a falar e a dar-te opiniões objectivas da tua versão beta do produto/serviço, então é uma questão de tempo até viralizar!

Até estas a fazer umas vendas do teu PVM, mas estás com dificuldade de chegar a mais potenciais clientes.

“Então e como é que eu o posso fazer Sacha?”

Pedindo aos actuais utilizadores do teu produto/serviço que te dêem opiniões objectivas da experiência que estão a ter.

Atenção, dois pontos aqui:

  1. As pessoas fazem o que lhes pedes (nem todos vão responder, mas acredita que alguém vai responder);
  2. Um potencial cliente teu, o primeiro passo que vai fazer é procurar opiniões objectivas sobre o que estás a vender.

E o que são opiniões objectivas e para que servem?

Servem para dois pontos também:

  1. Perceber a experiência que a pessoa teve com o teu produto/serviço;
  2. Recolher prova social.

Lembras-te que te disse em cima que antes de alguém te comprar vai procurar uma opinião objectiva e que experiência é que um comprador teve?

É por essa razão.

Porque quando o teu produto/serviço começa a ser falado por outros então é muito mais fácil vender.

Nada como voltar ao exemplo da App:

  • Já tens registrado na App mais de 1000 pessoas;
  • 10% delas deixaram-te uma opinião objectiva;
  • 10% dos utilizadores fremium passaram a premium;
  • Quantas mais opiniões retirares desses que passaram a premium, maior a probabilidade de outros fazerem o mesmo;
  • E agora é uma questão de tempo até teres centenas de opiniões. O que achas que vai acontecer? 😉

Mas dentro dos 9 passos desde a ideia até a venda, este passo vai-te permitir algo muito importante também.

Que é afinar o PVM de acordo com o que as pessoas precisam.

As grandes marcas que conheces actualmente fizeram isso (como netflix, Uber, Revolut entre outros).

Desta forma, estás pronto para o passo seguinte.

Afinar e melhorar o PVM

Afinar e melhorar o Produto Viavel Minimo, por Sacha Matias e Dr. Performance, for Business
Até acertares vais precisar de muitos testes e afinações.

“Bem Sacha, deixa-me interromper-te já! Então eu já vendo, porque é que necessito de afinar e melhorar o PVM?”

Aqui está o “ingrediente mágico” dos 9 passos desde a Ideia até a venda!

Porque é nas opiniões objectivas que vais ter oportunidades incríveis.

Já reparaste que, sempre que compras uma coisa qualquer, quem te vendeu pede-te uma opinião?

O objectivo é saber exatamente o que gostavas de ter.

Ou seja, das opiniões que retiraste, vais perceber mesmo onde o teu produto/serviço poderá melhorar, tal como no(a):

  • Serviço pós-venda?
  • Tempo de entrega?
  • Tempo de resposta a uma opinião/queixa?
  • Qualidade do material?
  • Facilidade de uso?

O teu cliente está-te a dar informações privilegiadas em onde te podes destacar da concorrência.

Claro que tens que saber os custos associados a essa mesma afinação/melhoria do produto/serviço – e se vai ser rentável a curto/médio e longo prazo.

Atenção, não cometas este erro, de te apaixonares de tal forma pelo que criaste ao ponto de não ouvires o teu cliente ideal. Uma das muitas razões de negócios falharem.

Espera, não estou a dizer que não tens que ser apaixonado pela ideia (a venda emocional parte daí), mas deves ter atenção a se esse mesmo produto/serviço está adequado às pessoas.

Ouviste o teu cliente, fizeste as contas e as pequenas mudanças que vais operar são rentáveis e rápidas de implementar, começaste as mudanças que eles precisam e chegaste a um ponto brutal: Acabaste de encontrar a tua vantagem competitiva.

Se fizeres isto desta forma, arrisco-me a dizer que deixas de ter concorrência, porque o teu cliente passa a vender por ti – criaste uma legião de fãs, que fazem recomendações muito objectivas e poderosas sobre o teu produto/serviço.

Se chegares a este ponto, prepara-te para isto: VENDAS QUE NUNCA MAIS ACABAM.

Vender Novamente

Vender Novamente é o passo que garante que, os 9 passos desde a ideia até a venda, tornes o teu negócio escalável, por Sacha Matias e Dr. Performance for Business
As lojas de roupa são geniais neste passo: criar coleções e modas de forma a renovar guarda-fatos em todo o mundo.

Vender Novamente é o passo que garante que, dos 9 passos desde a ideia até a venda, tornes o teu negócio escalável e, mais importante, o possas inovar e fazer crescer a equipa que te vai ajudar – sim sem equipa não vais conseguir nunca escalar ao ponto de ser global.

Vai depender do teu tipo de produto/serviço, mas tens que aumentar dois “manómetros”: o valor médio por cliente e o número de clientes que compram.

Agora é o momento que vais tornar o que criaste gigante.

Nesta fase já provaste por “A+B” que o teu produto/serviço é monetizável, já tens opiniões válidas sobre o mesmo e onde afinar – e até já afinaste, agora está na altura de aumentar o volume de vendas.

Agora tens 3 públicos dentro do Nicho:

  1. Os Quentes: Aqueles que te compraram algo e que te ajudaram a afinar – imagina vendeste um curso a eles, agora vendes, por exemplo, um serviço de assinatura.
  2. Os Mornos: Já te conhecem, recebem conteúdos teus (ou podem ter uma versão fremium de algo que criaste), mas não compraram ainda. Mostras agora o benefício de poderem adquirir agora. Por exemplo, constróis uma página de vendas, com os benefícios, características e, mais importante, com os depoimentos de quem comprou o teu produto/serviço.
  3. Os Frios: Não te conhecem, vais anunciar para eles com uma versão gratuita do que queres entregar. Em troca eles “pagam” com contactos deles (nome, email e telefone pelo menos), dás muito conteúdo e benefícios de como o teu produto/serviço os vai ajudar.

Os primeiros são os que garantem o Break Even do teu negócio, os segundos são os que vão garantir um incremento imediato na tua facturação e os terceiros são, LÊ BEM, a “mina de ouro“.

Sim a “mina de ouro” porque representam em média 97% dos teus potenciais clientes.

Neste caso é um jogo de paciência. Paciência na conversão destes contactos, porque são os teus futuros clientes (aqui tens que ter bons Funis de Marketing a funcionar, ao contrário dos outros dois casos são os Funis de Vendas).

Não cometas o erro de tentar vender a todos porque não vai funcionar e vais ficar frustrado.

Ou seja, foca-te em manter os clientes felizes (os quentes) e a consequência é vender-lhes mais, converter aqueles que estão quase quase a comprar (os mornos) e teres paciência e dares tempo a quem não te conhece e ainda não está preparado para comprar (os frios).

Em outras palavras, o valor médio por cliente é aumentado através dos quentes (no caso de uma assinatura mensal, é conseguir mantê-los no programa) e o número de clientes que compram virão em primeiro dos mornos e mais tarde dos frios.

Agora toca a meter “as mãos na massa” aumentar os números e passar ao passo seguinte.

Passo bónus dos 9 passos desde a ideia até a venda: Repetir o Processo

Passo bónus dos 9 passos desde a ideia até a venda: Repetir o Processo por Sacha Matias e Dr Performance, for Business
Mesmo quando não há um resultado ou não está a funcionar, repetes o processo mas agora “afinado”.

Com um mercado cada vez mais exigente, volátil, mutável e que se tornou global (a internet acelerou este processo), é importante compreenderes um ponto específico (e até considera uma lição):

O teu produto/serviço nunca vai estar finalizado.

Deves perceber (para não te dizer que tens que perceber) que este jogo é interminável.

Tal como te disse mais em cima neste artigo, é assim que as grandes marcas que conheces agora fazem (e eram tão pequenas como a tua).

Mas para te dar um exemplo real da vida real, vê o exemplo da Science4You, geralmente só lança produtos novos depois de perguntarem aos seus clientes e estão em constante evolução do processo – daí serem uma das maiores marcas do mundo de brinquedos educativos – Sim brinquedos!

Desde a tua ideia até a venda e a execução de cada passo, passou algum tempo.

Agora a tua pergunta:

“Quanto tempo vou demorar nestes passos Sacha?”

Ao qual eu não tenho resposta, Vai depender de como executas Cada passo!

Sei que, se fizeres assim e Repetires o processo sempre, Vais criar um negócio interminável (Estás preparado para servir muitas pessoas e receber muito 💰 por isso).

Esta é a explicação simples dos 9 passos desde a ideia até a venda.

É bastante simples mas pressupõe consistência em cada passo.

Ah e bastante capacidade de reinvenção (leia-se inovação), persistência, resiliência e capacidade de relacionamento com os outros.

Alguma vez lanças-te um Produto/serviço?

Escreve nos comentários e Conta-me a tua experiência!

Se não sabes por onde começar, Manda uma mensagem (Garanto-te que Não tens nada a perder).

Agora só tenho um pedido para ti:

Ajuda-me a chegar a mais pessoas que precisam deste tipo de conteúdo.

“E como posso fazer isso Sacha?”.

Obrigado por perguntares, então passo-te a explicar:

Vês ai os ícones das redes sociais que te seguiram ao longo do artigo (ou que estão no início ou fim do mesmo)?

Carrega neles e partilha nas tuas redes sociais. Vais ajudar-me a ajudar mais pessoas. Mais uma vez obrigado.

Agora despeço-me de ti e até ao nosso próximo artigo neste nosso blog (também tens muitos artigos aqui que te podem ajudar, explora 🗺️ 🧭),

Sacha Matias (Criador e Fundador da Dr. Performance, for Business).

1 thought on “Os 9 passos desde a Ideia até a venda”

  1. Pingback: Proposta Única de Valor: Porquê e Como Fazer Eficazmente? | Dr. Performance™, for Business

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Todos os Artigos

Partilha nas Tuas Redes Sociais (Escolhe um botão)

Share on facebook
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email
Share on pinterest

POWERED BY Sacha Matias 

Dr. Performance © Copyright 2019

Muito Obrigado pela tua Subscrição.

Irás receber E-mails com o remetente: email@drperformancebusiness.com

Se nas próximas 24h não receberes nenhum email, verifica a tua caixa de Spam, promoções e caixote do lixo no gmail (e Spam no hotmail ou live).

Irás receber como oferta no primeiro e-mail o e-book “Está na Altura de Ganhares Tempo”

Vamos-nos vendo por aqui, Sacha Matias

Powered By Sacha Matias